Gozada – Capítulo 10

Rodrigo adora foder de quatro. Seja de joelhos na cama, seja montando em mim como se eu fosse uma cadela, ou em pé. Eu é que não consigo muito executar essas manobras com ele por conta do tamanho do seu pau. Me incomoda um pouquinho, sabe? Mesmo assim, não perco uma boa oportunidade. E foi assim que Digo me viu com Roberto. Eu em pé, me apoiando com os braços da poltrona, de quatro para nosso vizinho, que socava sem dó na minha buceta. Com o polegar esquerdo, massageava meu cu, deixando-o entrar na minha portinha por diversas vezes. Milena então se atira no grande sofá chaise que decorava a sala de estar e passa a nos olhar e se tocar, com as pernas bem abertas. Rodrigo, ao passar por nós, para e me dá um beijo quente.

_ Amo te ver sendo socada por uma vara gostosa, minha puta.

_ Eu sei, respondo, gemendo.

Christian também para ao meu lado e começa a acariciar um dos meus seios. Instantaneamente, pego no seu pau rijo e o aperto com força. Que delicia de pica! Tenho, por alguns instantes três machos gostosos só pra mim: o dono da casa, Rodrigo e o chef de cozinha mais safado da cidade.

_ Venham meus machos, estou esperando, ordena Milena, que é atendida de imediato. Rodrigo, coloca a camisinha, e inicia um papai e mamãe quente com nossa anfitriã.

_ Ah, sim, é assim que eu gosto, me fode, garoto!

Milena cruza as pernas pressionando Rodrigo para dentro dela. De onde eu estava, enquanto punhetava Christian, conseguia ver o pau de Rodrigo invadido o ventre de Milena, num entra em sai frenético. Roberto também virou um espectador e aquilo fez com que acelerasse as estocadas dentro de mim.

_ Vem, senta na poltrona, disse Roberto.

Sem discordar, obedeci. Mas Christian sentou primeiro, e me restou seu colo para que eu sentasse e compartilhasse do seu cheiro gostoso, do seu corpo quente e do seu tesão. Juro que na hora tive uma vontade imensa de enfiar a pica daquele gostoso de imediato em mim. Mas não havia tempo pra camisinha. Pelo menos não antes do gozo de Roberto. Passei a esfregar meu corpo em Christian para cima e para baixo. Ele por sua vez, me tocava por inteiro. Barriga, virilha, seios. Seu abraço por trás me fazia sentir protegida naquele ambiente novo. Sentia seus lábios quentes tocando meu pescoço e minha orelha. Roberto, olhava tudo aquilo; nós, sua esposa sendo invadida por Rodrigo, e se masturbava. Até que o primeiro orgasmo da noite finalmente chegou.

_ Goza em mim, seu vadio, falei. Ele se aproximou e se posicionou entre minhas pernas.

_ Ahhhhhhhhh, ohhhhhh!

Sua porra quente atingiu meus seios por diversas vezes. Incrível aquele homem gozando! De imediato me veio à lembrança um ator pornô das antigas. Famoso pelos orgasmos prolongados e volumosos. Peter North o nome dele. Acho que Rodrigo era meio fã desse cara na adolescência. A fase da punheta. Já havia me mostrado tanto as cenas dele em ação que até acabei fantasiando uma vez um pau grande esporrando jatos no meu rosto.

Agarrei o pau de Roberto e continuei a masturbá-lo devagar. Sua porra escorria pela minha barriga. Ele gemia gostoso, olhava para mim e sorria.

Logo em seguida se abaixou, me deu um beijo gostoso e, como um gentleman, agradeceu.

_ Obrigado, isso foi maravilhoso!

_ Que delicia de noite está nos proporcionando. Se depender de nos não será a única, respondi.

_ As chaves de vocês do apartamento já estão em cima da mesa, brincou.

_ Obaaaaaaa, respondi, lhe dando mais um beijo e um abraco apertado.

Christian, trouxe para nós papel e toalhas úmidas e aquecidas, para que pudéssemos nos limpar. Parei alguns instantes para analisar a relação deles. Meio amigo, meio funcionário, chef amante da esposa. Meu Deus, o que mais ele faz nessa casa? Sera que também fode gostoso as visitas?

Milena está sentada em Rodrigo, cavalgando forte no meu noivo. Christian então, me pega pelo braço e nos aproximamos. Ele sobe na chaise e em pé, apoiado com as costas na parede, oferece a pica, que precisava novamente de um trato para endurecer, à Milena. Vejo Rodrigo, deitado, como se estivesse fora de órbita, participando de tudo aquilo. E sua boca gostosa dando sopa. Me ajoelho por cima de seu rosto, e, de frente para Milena, começo a esfregar minha buceta em sua cara. Ao mesmo tempo que sua língua começa a sugar o liquido que escorre de minhas entranhas, percebo que tenho em minha frente a boca de Milena e o pau de Cristian. Então, juntas, começamos a dividir aquele membro por inteiro. Lambidas, sugadinhas sem esquecer de nenhum centímetro.

IMG-20160204-WA0047

(continua…)